Outro porto

Eu poderia escrever sobre a sensação que tenho em ser uma menina do interior no meio de um monte de gente da cidade grande (mais ou menos o que senti quando o blog dos 30 começou a ser alimentado). Poderia, quem sabe, falar sobre as primeiras aulas da autoescola, dos dias cinzentos que tem feito em uma das cidades mais frias do Paraná. Mas o que me aconteceu ontem foi maior que isso e me deixou uma nódoa grande no peito. Daquelas que te fazem ter vontade de chorar, mas maior que essa vontade é o sentimento de que não há nada que se possa fazer. Aí a sensação de impotência dá lugar a uma falta de... uma falta dele.

Sobre o meu texto (o primeiro!) que publiquei no Blog das 30 pessoas.

Comentários

.lucas guedes disse…
ah, é de verdade então.

que poxa.
Lubi disse…
Tati, você é linda. toda sentimento.
eu acredito na volta do Polaco, viu? gatos gostam do que é bom.
feliz pela sua estreia. por estarmos todos juntos.

beijos.
Tiozaum disse…
Eu li o seu post la no outro blog, e fiquei muito, muito triste de verdade.
Tb acredito na volta do polaco, estou torcendo e rezando por isso :)
Te adoro!
Beijo
Neto disse…
comentado lah

eu quero q ele volte
ele vai voltarr
Marcela Paiva disse…
se te consola, eu tbm sou do interior. =)
Não Enviadas disse…
Meus olhos estão úmidos.

Ele voltará

Beijos, Tati.

CamilaRufine
Juliana Cruz disse…
nao sei o que dizer, acho que nem tem o que dizer. a dor é forte e foda mesmo...já perdi amores desse tipo, sei do que esta falando.
Tatiii...
ele volta sim, flor!
torço por isso...
senao, fica valendo o meu comentario no blog de lah!
adorei, alias...
saudade...
ps. fds em gorps!

Postagens mais visitadas