Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2013

Meu outubro, meu braço no mundo

Outubro é meu mês de renascer. Aos 24 acaba o ciclo, recomeça. Só do tempo eu não posso me livrar, 28 vezes já foram esse acabar e reiniciar. Quando pequena eu dizia que esse era o mês mais lindo do ano. Sempre gostei de uma festinha. Hoje adulta continua me apetecendo. É o mês do meio. Do meio da primavera, do meio do outro meio do ano. É cheio de aniversários, é cheio de promessas. Eu adoro meu aniversário. Não sei se é pelas lembranças das superproduções de minha mãe, ou se é pelo me sentir lembrada, especial. Não sei se é pelo Plutão, o signo de Escorpião, o da regeneração, dos renascimentos. Mas o fato é que mesmo hoje mais velha não sinto o peso de fazer (ou ganhar) anos. Sou doida por esse recomeçar. Especialmente neste inferno astral acredito que esteja renascendo mais do que nunca. E se o que é mais doído, mais difícil, nos faz crescer mais, eu quero é me livrar logo desse casulo. Me livrar e me metamorfosear. Principalmente dessa carapuça de mocinha, ingênua, entregando tod…

.

Hoje o sol deu as caras e o bafo ardente e seco tumultua
Toda a gente tira a simpatia do armário e põe no altar
Da minha parte, pus as pernas de fora e o corpo todo pra rua
E nesse dia, quente como o diabo, decidi meu decreto assinar

Fica expressamente proibido chover aos domingos. E nenhum se exclua!