Aniversário

Gosto de pensar em aniversário como a inauguração de um novo ciclo, um marco, um rito de passagem. Hoje pensei na fantástica ideia de todas as mulheres renascendo. Não como brotam as rosas. Pra ser mulher neste mundo, é preciso ser planta do agreste. Só assim pra sobreviver a tanta secura, a tanta agressão.
Hoje pela manhã presenciei um jogo de "eu nunca" em que várias mulheres assumiam algo, mas sob o viés de que aquilo nunca tinha acontecido. "Eu nunca fui humilhada por ser mulher", "Eu nunca fui molestada no ônibus e fiquei com vergonha de gritar", "Eu nunca vivi um relacionamento abusivo", "Eu nunca perdi um emprego por ser mulher", "Eu nunca odiei outra mulher por ela ser livre". Nesse confessionário eu lia e chorava baixinho, a cada nunca que é sempre tão sempre.
Meu desejo é que cada mulher renasça hoje. Que a gente enfrente nossos demônios internos e que sejamos fortes, mesmo com o mundo sendo tão hostil.
Que a gente supere as nossas (mal) criações e sejamos mal criadas com quem nos tente dizer o que fazer. Que a gente nunca mais tenha que se desculpar.
Desejo que renasça a consciência da sororidade, que cada vez que a gente caia a gente tenha a nossa frente a mão de outra mulher, pronta a nos levantar, sem julgar.
Desejo que a gente esqueça tudo de tóxico que nos ensinaram a ser. Que a gente deixe de odiar todas aquelas que nos mandaram odiar.
Desejo principalmente que a gente fuja do padrão. Que cada uma possa ser o que quiser. Desejo que essa corrente nunca mais se quebre, nunca mais se rompa, nunca mais se acabe.
Às minhas amigas, de fé, de sonho, de luta. A todas as mulheres, minhas irmãs nessa jornada. A cada uma que eu já odiei ou que me guardou rancor. Um feliz dia de renascimento. ❤
❤️

Comentários

Postagens mais visitadas